Oslo: biogás de dejetos humanos move ônibus

Luana Caires
04.12.2010

Na capital da Noruega uma simples ida ao banheiro ajuda a tornar mais sustentável o transporte público. A cidade criou uma estação de tratamento de esgoto que produz biometano em quantidade suficiente para fornecer combustível a 80 ônibus. Além de diminuir em 70% a emissão de óxidos de nitrogênio, a utilização desse biogás também reduz em 98% a emissão de material particulado, um dos poluentes mais nocivos para a saúde.

Nessa estação, os dejetos são filtrados e em seguida são bombeados para grandes tanques, onde permanecem por 14 dias a uma temperatura de 55ºC. Desse processo é obtido o biometano, que então é levado para um depósito onde é armazenado em containers ligados por mangueiras aos postos de abastecimento.

Além da produção de biometano a partir do tratamento do esgoto, a cidade também pretende investir na obtenção de biogás a partir da incineração de lixo para que todos os 400 coletivos da frota possam ser movidos a combustível limpo. Com essas medidas, o país pretende cumprir a meta de reduzir em 50% a emissão de gases estufa até 2030 e em 80% até 2050.

Veja também: Toronto testa caminhão de lixo movido… a lixo



Tags: ,

Uma resposta para “Oslo: biogás de dejetos humanos move ônibus”

  1. Clovis Brasileiro disse:

    Olá, esse exemplo é válido para uma sugestão que apontamos para as companhias de água e esgotos… podemos gerar energia, unir o investimento responsavel com as necessidades coletivas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.