Laser ajuda a proteger ciclistas

Eduardo Pegurier
21.06.2011

O Blaze em funcionamento, foto: divulgação

O tipo mais frequente de acidentes envolvendo ciclistas ocorre quando estão em linha reta e um motorista de carro distraído corta a sua trajetória e os atropela. “Mesmo que o ciclista se ilumine como uma árvore de Natal, ainda ficará invisível se estiver no ponto cego de um ônibus”, diz Emily Broke, estudante da Universidade de Brighton, que criou um mecanismo que tenta remediar o problema. Trata-se do Blaze, um pequeno laser que funciona com baterias e projeta uma imagem de bicicleta à frente do ciclista, anunciando a sua chegada.

A luz verde do Blaze pode ser vista de dia ou de noite. O propósito de Emily era “resolver o problema dos ciclistas aumentando sua visibilidade, sua pegada e, em última instância, a percepção dos outros veículos sobre a sua presença”. A inventora, que acabou de terminar a graduação em design de produto, ganhou com o projeto uma bolsa de estudos nos EUA, concedida por um programa de empreendedorismo.

Existem outros inventos parecidos. Veja aqui e aqui.



Tags: ,

2 respostas para “Laser ajuda a proteger ciclistas”

  1. danielbiologo disse:

    Interessante e ao meu ver bastante útil. Se o lazer for bem visível certamente poderá dar mais segurança.

    Ao mesmo tempo fica meu questionamento, temos que fazer tanta coisa assim para sermos vistos?
    Sou motorista de carro volta e meia e, nunca, nunca tive nenhum problema com ciclistas à minha frente e cruzo com vários e mesmo com "aqueles ciclistas" que insistem em andar na contramão, reduzo mais a velocidade para segurança e pronto. A partir do momento que se assume o comando de um automotor, o mínimo que o motorista deve fazer é respeitar as regras de trânsito, o BOM SENSO e prestar "atenção" ao que acontece ao seu redor!

  2. Danielbiólogo disse:

    Opa, tenho que corrigir o post acima, foi sem querer e só agora percebi, troquei a palavra laser por lazer, que coisa feia !!! Corrigido! Desculpem kkkkkkkk

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.